Geral

Dia 19 #30diasdegratidão

Ein von Noemi B. Nicoletti (@mimapumpkin) gepostetes Foto am Dez 12, 2014 at 1:02 PST Dia 19: por uma famosa marca de eletrônicos. Já conheci muita gente fã de Apple e, por causa disso, sempre fui totalmente contra. O preço era um absurdo, não compensava, era estranho de usar, não permitia tanta personalização quanto o […]

Ler Mais

Tentativa de VLOG #1

Por questão de justiça, resolvi postar a tentativa de VLOG aqui no BLOG também, para quem não segue ainda a página do Facebook. (Aliás, por que você não segue ainda a página do Facebook? Por que? Por que? Fica tão mais fácil de acompanhar quando tem post novo ^^) Se gostar do vídeo ou achar […]

Ler Mais

A tecnologia (quase) realizando sonhos #2

O sonho: o sucesso recente do fenômeno chamado “música” me leva a uma teoria que até mesmo o cinema mudo já sabia: a vida sem uma trilha sonora não tem tanta graça. A vida seria mágica como um videoclipe bacana se pudéssemos carregar a música conosco. [symple_toggle title=”O que tínhamos antes”] Quase sinto pena pela Jane […]

Ler Mais

A tecnologia (quase) realizando sonhos #1

[symple_toggle title=”Meu sonho de infância”] Acho que esse sonho não era só meu, né? Uma das minhas partes favoritas do desenho da Bela e a Fera é quando ele a presenteia com aquela biblioteca fantástica. [symple_highlight color=”yellow”]Todos… esses… livros… para… mim?[/symple_highlight] [/symple_toggle] [symple_toggle title=”O que tenho hoje”] OK, não é exatamente a mesma coisa, mas […]

Ler Mais

Bundes…o quê?

A pedidos de uns fanfarroes aí (:P), vou fazer um post sobre a Bundesliga. Aparentemente, esse blog estava com excesso de estrogênio. Nao só vou trazer agora uma altíssima dose de testosterona, como ela virá no formato de um alemao gigante e gordinho que gosta de comer salsicha do grill em frente à televisao. BUNDESLIGA! […]

Ler Mais

"The Matrix has you"

Eu realmente acho fantástica a nova geração de video-games. O Nintendo Wii, por exemplo, nos fornece toda a diversão de um dos clássicos, mas sem o espírito de culpa advinda do sedentarismo exacerbado. Depois de algumas rodadas de tênis virtual, o braco lesionado pelo repetitivo movimento é carregado orgulhosamente pelos usuários como uma marca de […]

Ler Mais