17 de maio de 2012

Os beijos que nunca dei

É uma quinta-feira comum. Você coloca a mochila nas costas, com nossos materiais de estudo. Eu pego a minha bolsa e nossa garrafinha de água compartilhada. Subimos nas bicicletas e pedalamos impulsionados pela fome (afinal, é hora de almoço) depressa para casa. Eu sempre sigo, sem meditar a respeito, olhando para o pneu da sua bicicleta e o suporte de lanterna que fica logo em cima, na cestinha. Olho mais acima e você geralmente está com o cabelo na nuca um pouco despenteado e as costas meio curvadas até o momento que eu grito para você alguma coisa do tipo “precisamos passar no mercado para comprar tomates” ou “não podemos esquecer de ligar para o dentista”. Aí você se endireita e dá uma olhadinha de soslaio para trás, para mostrar que ouviu. Nesse momentinho que você vira, eu vejo sua barba já na hora de ser feita e arranco, se tiver sorte, um sorriso ou um beijo seu. Uma quinta-feira comum com uma rotina comum. Para mim, um milagre.

laurels+flowers_0000_Vector Smart ObjectQuando chegamos em casa, eu fecho o portão enquanto você guarda nossas bicicletas. Eu dou uma olhada nos girassóis que plantamos, se ainda estão crescendo, e você verifica a caixa de correio por cartas. Quando subimos as escadas para nosso apartamentozinho, eu preparo o almoço e você organiza outras coisas para nós dois. Que casalzinho mais comum! E, para mim, de todas as formas, um milagre.

Quando finalmente nos sentamos à mesa e olhamos um para o outro, muitas vezes, sorrimos e suspiramos. Só então podemos parar para respirar por uma horinha depois de tanta correria. Então damos as mãos e você ou eu ou nós dois agradecemos a Deus pelo dia, pela comida, um pelo o outro, por nossa família, por nosso lar, por tantas bençãos em nossas vidas e pela alegria daquele simples evento. Não é um momento tão solene, a comida nem é tão gostosa (não sei cozinhar lá essas coisas!) e a decoração é indiscutivelmente bem simples. Vista de fora, uma refeição comum. Mas, inacreditavelmente, em si é um milagre maravilhoso.

laurels+flowers_0006_Vector Smart ObjectDesde muito nova quando comecei a imaginar como você seria e desejei conhecê-lo, você estava tão distante quanto o sonho de voar algum dia. Ninguém acreditava e, sinceramente, muitas vezes, nem eu. Decidi tão cedo que iria confiar em Deus que um dia Ele me traria você, mas, se for olhar bem, era mais a esperança de uma tola. Apesar que dizem que a esperança Nele nunca nos decepciona, não é?

Foi fácil esperar? Não. Mas eu precisei esperar. Mesmo quando riam. O que que diziam mesmo? Para uns, eu iria me tornar uma velha solitária numa casa cheia de gatos. Para outros, eu sofria de algum trauma ou frigidez. Outros ainda me tomavam por uma boba idealista, personagem de contos de fada Disney. Mas a verdade? Eu já o amava, em meu coração. O meu marido, o meu príncipe. E todos os outros perdiam em comparação.

Diziam que eu desperdiçava minha juventude. Que enquanto ficava sozinha em casa, eles estavam curtindo a vida. Que esse negócio de virgindade é coisa do passado. E que ninguém quer uma menina tão inexperiente, então era melhor acabar logo com isso.

Mas, sabe de uma coisa?

Nunca senti falta dos lábios de estranhos que deixei de beijar. Nunca desejei voltar atrás para ter a dor de alguma separação. Na minha consciência não pesam promessas sussurradas ao ouvido, mas nunca cumpridas. Não me arrependo dos relacionamentos que não tive. Se qualquer coisa, gostaria de ter tido menos cumplicidade com aqueles tipos, amigos-que-sempre-querem-mais.laurels+flowers_0003_Vector Smart Object

Pois tenho um prazer indescritível, quase um formigar gostoso nos dedos do pé e até mesmo as famosas borboletas no estômago, quando penso que sempre fui totalmente sua. Só tenho a lembrança dos beijos nos lábios de um único homem. Um que sempre está com uma barba áspera que dói e tem os lábios mais macios e gostosos que eu posso imaginar. Um que é um tanto alto e sempre estará ao meu lado. Aquele que prometeu diante das nossas famílias e amigos me amar até que a morte nos separe. Meu sonho, meu desejo secreto e o que eu apaixonadamente esperava.

Era improvável que o homem perfeito simplesmente caísse do céu para mim? Sim, eu confesso. Era meio louco ter a expectativa de que isso iria acontecer? Certo… E ainda que o homem perfeito surgisse, quem diz que ele iria gostar de mim? Tem razão…

laurels+flowers_0004_Vector Smart ObjectEntão, eu desculpo os outros pela incredulidade antes e por agora acharem nossa rotina algo assim tão comum. É uma quinta-feira comum. Somos um casal comum. E esse purê com peixe definitivamente é bem comum. Ainda assim é com o brilho nos olhos de quem foi muito recompensada que eu olho para você.

De todas as formas, você aqui comigo é um grande e fantástico milagre. E não tem nada de comum nisso.

Que o Deus da esperança os encha de toda alegria e paz, por sua confiança nele, para que vocês transbordem de esperança, pelo poder do Espírito Santo. Romanos 15:13

 

 

  • Beatriz Do Valle Soares

    Que texto maravilhoso! Te achei pelo google e já me apeguei ao seu blog, mesmo esse texto tendo uns 3 anos não perde o valor (na verdade a esperança nunca perde o valor)! Deus te abençõe!

  • Pingback: Top 10: Músicas de esperar pela pessoa certa - Mima Pumpkin()

  • Jemima

    aiii meu Deus que lindo , que meigo ,que terno … é Deus é assim (:
    Jemima Fernanda (:

  • Seu blog é lindo, super edificante =) Parabéns, que linda história.

    • Obrigada, Princesa do Rei! Papai do céu faz as melhores histórias :D

  • Amei, seu blog é um presente de Deus =) Parabéns linda.

  • Fico feliz ^^

  • amei sua história, amei tudo aqui!

  • Que lindo, fiquei tão feliz ^^ eu sempre me alegro muito de saber que Deus está usando a nossa história pra encorajar outras pessoas e eu creio que será assim com a sua história também! Ah, e vi seu blog que a Kesley indicou no twitter. Achei tão tudo *_* Beijos e Deus abençoe muito sua vida!

  • Aline Ramos Ramos

    Noemi, que grande presente de Deus descobrir o seu blog!! Você não pode, de forma alguma, imaginar o quanto ler sua história (já vasculhei tudo e já estou lendo o blog BrunoeNoemi, falando sobre o seminário e tudo!! xD) renova em meu coração a alegria e esperança da verdadeira espera no Senhor!! E só tenho a lhe agradecer por isso! Ler histórias como a sua, de pessoas que, como nós, esperaram pelo primeiro e único romance, e ver a mão de Deus guiando todas as coisas de forma tão perfeita, é uma benção, auxílio e incentivo sem medida para afirmar novamente: vale à pena esperar!!!

    Hoje, como fruto de sua história, decidi começar a escrever cartas para meu futuro marido, onde ele estiver, compartilhando com ele as coisas que o Pai tem falado e ensinado, enquanto ainda não podemos estar juntos. Quando estas cartas forem entregues, e gerarem frutos para a eternidade, você e Bruno também receberão parte deste galardão, por nos inspirarem compartilhando o agir tão grandioso de Deus em suas vidas!

    Com amor, muita gratidão e alegria, sua irmã…

    Aline Ramos.

  • Que bom que gostou, Ka :D

  • Katlin Ribeiro

    Que lindo Mima! 
    Katlin

  • TODOS – E, pessoal, não sei se foi por educação ou gentileza que vocês sugeriram o livro, mas agora é tarde demais, comecei a escrever um e vocês vão ser obrigados a ler!!! :P

  • Quem diria que esse texto causaria tanta repercusão. :) Fico feliz que a minha história e do Bruno está de alguma forma ajudando e incentivando outras pessoas.

    ANÔNIMO – Obrigada pelas palavras! Muito bom saber disso!

    AIADE – Essa pergunta “E o namorado?” atormenta a todas e me atormentava também. Não sei por que às vezes demora tanto e por que às vezes tem menina de 18 anos já casando… Só sei de uma verdade que não muda: antes só e vivendo os sonhos de Deus do que acompanhada de um mané que pode atrapalhar tudo. :)

    EDDY – Deus abençoe você também! Bom saber que tem pessoas por aí bisbilhotando anônimamente ;) hehe

    LOUISE HELENA – Que bom, Louise! Deus abençoe!! :D

  • Noemi q lindo testemunho… faz a nos, mulheres que ainda esperam, não desanimar em esperar no Senhor… No simples Deus se faz presente!!!! Deus te abençoe!!! Bjs

  • Texto ótimo!! apesar de já ter lido muitos dos seus textos, esse é meu primeiro comentário!
    Deus abençoe vc.
    Abraço.

  • Se continuar assim você vai me transformar numa romântica, coisa que até agora nem Jane Austen, nem José de Alencar conseguiram.

    Voltar a ler os teus textos me fez muito bem. Talvez esse aqui tenha sido ajudado pela trilha sonora ( estava escutando “Faz Tão Bem” – Crombie), mas acho mesmo que é pelas perguntas que aguento há tanto tempo.

    – E o namorado?
    – Sei lá, quem sabe ele também encheu dessas perguntas e resolveu comprar um GPS pra acelerar o processo.

    Ou quando estou com o humor melhor:

    – Eu vou perguntar pro *insere nome do respectivo* se ele não tem um amigo crente…
    – Desculpa, mas você não acha que eu já devaneio demais pra me ocupar com isso agora?

    Bem, agora eu posso mostrar sua história e dizer que eu não tô fazendo errado, que se eu não entro correndo na fila pra ver quem são os solteiros disponíveis na igreja eu poupo frustrações – e a vista também.

    (É assustador que nessa hora Crombie toque com “O passarinho e sua esperança”. Já estou ficando sentimental)

  • Anonymous

    querida, n sei quem vc é…mas recebi o link do seu blog através de uma amiga..fiquei emocionada com o seu texto e ele me edificou e me animou a prosseguir na espera pelo amado. Deus é fiel, eu creio. queria deixar claro q vc foi usada pelo Senhor através desse texto. que o senhor a inspire a produzir outros textos tão lindos e poderosos como esse! e mesmo sem te conhecer…digo: espero o livro! =)

  • Pessoal, obrigada pelo carinho e os elogios e pedidos de um livro, hehe. Fico muito feliz que a minha história e do Bruno esteja tocando e servindo de inspiração para outras pessoas ^^ Um beijão! (Riri, há quanto tempo!!)

  • Mima, te amo! E amo saber das bençãos e do cuidado de Deus na sua vida… inclusive numa quinta-feira “comum”. Espero este livro….
    Bjins…:)

  • Esse texto é simplesmente curador para uma menina ler! Deus faz novas todas as coisas para aquelas meninas que não tiveram o privilégio, sabedoria, força, ensinamento e direção de Deus que você teve, Noemi (ou como sua mãe diz repetidamente, Mima). Mais uma vez: Deus faz novas todas as coisas. Essa é a nossa esperança. Um grande beijo.
    ps.: Também espero o livro. ;.) Obrigada por sempre postar!

  • Lindo, lindo! Totalmente adorável esse texto.
    Deu pra imaginar um casal bem fofo vivendo esse pequeno grande milagre que Deus concede aos seus – a felicidade, que vem de forma suave, todos os dias.

    Eu realmente espero que um livro seu seja publicado logo. Por favor!

    Beijinhos e que O Senhor Jesus continue abençoando vocês dois!

  • Diante de milagres assim, não é possível que as pessoas sintam dificuldade de entender que esperar vale a pena.
    Linda história, digna de um conto de fadas real.
    Deus os abençoe!
    Bjoks com lágrimas nos olhos,

    Debby <3

  • lindo mesmo!! a união de vcs é um presente muito especial de Deus…pra vcs e pra mim tb! Bjs com amor, Dé

  • Amy

    que lindoooo isso!!!

  • Eu apóio o Bruno nessa do livro! Depois dele (e da sua mãe, é claro), você sabe que sou sua fã número um. E concordo; cada texto seu é ainda melhor. Você é uma das minhas maiores fontes de inspiração, e eu oro para que Deus a use para influenciar da mesma forma a vida de muitas outras pessoas. O seu dom não é só para você; tenho certeza de que ainda vou ver seus livros na estante de uma livraria e me gabar para a pessoa ao meu lado, “ei, quando eu era criança ela escreveu um texto em que eu era a personagem principal”. E vou acrescentar, em pensamento: “…e dali em diante me fez querer ser não apenas a princesa da história, mas de uma história escrita em primeira pessoa”.
    Que Deus continue abençoando vocês dois com inúmeros dias comuns – verdadeiramente comuns -, porque hoje em dia esse amor “comum” tende a aparecer apenas na superfície.

    P.S. Adorei a mudança de layout! :)

  • Anonymous

    Agradeço a Deus pelo privilégio de ter por inteira!
    Sua forma de escrever não é nada comum, que voce possa continuar sendo usada para abençoar. Os melhor texto da sua vida ainda nao foi escrito, pois cada dia que passa eles ficam mais atraentes. Que o livro saia em breve, nao vejo a hora!

    Te amo pra sempre
    B. Nicoletti